Notícias

5 de junho de 2020

Uma “Roda de Conversa” para pedagogos


Everton Marques
Ampliar foto
Convidadas, professoras e alunas envolvidas com a realização do evento

Com o cair da noite do dia 20 de maio de 2020, uma “Roda de Conversa” proporcionou novas experiências ao conhecimento de futuros pedagogos. Como diriam os participantes, a artista e contadora de histórias Adriana Galo e a pedagoga Helyza Michelle Pereira brilharam ao abordar “Histórias, Emoções e Afetividade em Tempos de Pandemia”. A “Roda”, on-line, marcou o “Dia do Pedagogo de forma lúdica, com arte, com poesia”, afirmou a professora Maria Cristina da Silva, coordenadora do curso de Pedagogia da UNIFENAS.

O afeto teve especial destaque na “Roda”, por uma razão mais do que justificada nas palavras da professora Sandra de Souza Alves, responsável pela organização: “a maioria das pessoas encontram-se com as suas emoções fragilizadas e o afeto é algo que tem um poder abençoado de cura. Ao escolhermos o tema, pensamos no contexto familiar e como os professores e futuros professores podem auxiliar os pais a lidar com os seus filhos neste momento”.

Mediadoras da conversa com a egressa Helysa Michelle e Adriana Galo, as alunas Ana Carolina Sabino e Carla Dias Andrade acompanharam com satisfação o envolvimento de todos os participantes. Entenderam que “falar sobre as emoções, a afetividade e as histórias são temas bem valiosos”. Que permitem a reflexão, o diálogo, o repensar que leva a ações produtivas.

Em relação ao evento, Helysa escreveu: “Refletimos também a capacidade que temos de transformar experiências difíceis em aprendizado e em oportunidade para escrevermos uma nova história! Cremos que este momento difícil pode contribuir para estreitarmos os vínculos, conhecermos o nosso eu e fortalecer valores, carregando sempre a esperança de um novo amanhã!”.

“Todos compartilhamos, doamos, recebemos, aprendemos e crescemos na certeza de que a educação é soma, sempre. Somamos mais a nós mesmos, em grandeza existencial. Isto é sucesso de verdade”, disse Adriana Galo. A artista, antes dessa conclusão, ao se referir a “Roda de Conversa”, destacou que é “uma honra fazer parte de uma Universidade engajada nos múltiplos sentidos da vida, colaborando na construção de histórias significativas, seres humanos capazes de felicidade e cidadãos de bem”.

Além dos já citados, a LAPIS (Liga de Apoio a Primeira Infância Saudável), que é parceira da ANUP (Associação Nacional das Universidades Particulares), também contribuiu para a realização desse evento. Suas ações continuam mesmo com o distanciamento social.