Notícias

29 de novembro de 2021

Biodigestor ajudará no desenvolvimento de experimentos

Sistema instalado na Fazenda Retiro, em Alfenas - MG, surgiu da parceria entre a UNIFENAS e o Instituto Mosaic


Everton Marques
Ampliar foto
Biodigestor trará benefícios ao meio ambiente e contribuirá com experimentos acadêmicos

A geração de energia elétrica e biofertilizantes, a partir de resíduos gerados por suínos, começa a se tornar uma realidade na Fazenda Retiro, em Alfenas - MG. A fazenda, que contribui com a formação de alunos dos cursos de Ciências Agrárias e de pós-graduação da UNIFENAS (Universidade José do Rosário Vellano), recebeu recursos do Instituto Mosaic, da Mosaic Fertilizantes, para a instalação de um biodigestor que contribuirá para experimentos acadêmicos. A novidade foi apresentada no "Dia de Campo Projeto: Biodigestor", com visita à Fazenda e palestras proferidas na Universidade.

A Liga Universitária Financeira (LUF), do curso de Ciências Contábeis da UNIFENAS, ficou responsável pela organização e logística do evento, em apoio à pós-graduação, diretamente ligada ao projeto Biodigestor. O evento, realizado pela UNIFENAS, Unesp (Universidade Estadual Paulista) e EMATER-MG (Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais), recebeu universitários e produtores rurais. Na fazenda conheceram o espaço destinado ao biodigestor; tomaram conhecimento de que os dejetos suínos chegam até ele por meio de bombeamento e que o biogás, resultante de sua decomposição, é usado para geração de energia elétrica.

O aproveitamento do biogás também ajuda a amenizar o efeito estufa e pode ser usado para acender um fogão, por exemplo. "Inclusive, neste período de escassez hídrica, é mais uma fonte de energia, que é subaproveitada no país", enfatizou o palestrante Fernando Caneppele, professor associado da USP e da pós-graduação da Unesp.

A sobra do material orgânico resulta no biofertilizante, usado para adubação; o que também ajuda na redução do impacto ambiental causado pelo resíduo não aproveitado da suinocultura. O professor Fernando Putti, da Unesp, acredita que um biodigestor seja extremamente viável para os produtores rurais. Diz que é o futuro, principalmente se considerarmos a alta no preço dos fertilizantes e o fato destes não serem produzidos no Brasil. "Então, é algo que começa a se tornar cada vez mais viável para os pequenos, médios e, daqui a pouco, para os grandes produtores."

Responsáveis pela implantação do projeto, os professores da UNIFENAS Adriano Bortolotti e Bruno Góes, comemoraram a sua concretização. Bortolotti disse que "tudo isso está em consonância com um ambiente mais sustentável, uma produção mais sustentável". Góes destacou os ganhos para a Universidade. "A gente já tem uma tese de doutorado, em cima do projeto Biodigestor; temos uma dissertação de mestrado; dois projetos de iniciação científica da graduação, com bolsa pelo Pibic/CNPq (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica / Conselho Nacional de Desenvolvimento e Tecnológico) e da Fapemig (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado Minas Gerais), para poder desenvolver nesse próximo ano."



Parceria viabiliza implantação do Biodigestor



Ainda em fase de instalação na Fazenda Retiro, o biodigestor é resultado de um edital do Instituto Mosaic, voltado para incentivar boas práticas de gerenciamento de recursos hídricos. "Nós temos a empresa nossa, a Mosaic, com esse Instituto, cada dia crescendo mais, voltado para as comunidades onde estamos inseridos, [pensando] realmente no desenvolvimento social e muita preocupação com o meio ambiente, com a água e tudo mais", disse Luís Vilela, gerente de contas da Mosaic Fertilizantes.

A professora Laura Helena Orfão, diretora de pesquisa e pós-graduação da UNIFENAS, acrescenta que os experimentos se somarão a outros benefícios. "Montar o processo de um biodigestor para atender a demanda da sociedade, fazer treinamentos de pessoal, de produtores rurais, mostrar formas sustentáveis da utilização desses resíduos e, além disso, promover as pesquisas".

De acordo com Rogério da Silva Araújo, gerente regional da Emater - Alfenas, a suinocultura na região é pequena, se comparada com outras regiões de Minas Gerais, a exemplo do noroeste do Estado e em cidades como Unaí e Patos de Minas. Quanto à instalação do biodigestor na Fazenda Retiro, ele avalia positivamente. "Esse trabalho vai nos motivar, vai nos dar mais incrementos para a gente incentivar os produtores; e até utilizar apoios de políticas públicas que têm para isso, como crédito rural, as linhas voltadas para contingência em relação ao meio ambiente. E dar oportunidade para os produtores utilizarem esse crédito e ainda resolver uma questão que é tão grave, que é a contaminação ambiental feita por essas atividades."



(Saiba mais: Agronomia)