Notícias

19 de junho de 2020

Meio Ambiente em rodas virtuais


Everton Marques
Ampliar foto
Evento destacou a “Educação Ambiental e a Geração de Competências no Ensino Superior”

Neste mês de junho a questão ambiental esteve em foco na UNIFENAS. A instituição promoveu três rodas de conversas virtuais que debateram o “Meio Ambiente no ensino, na pesquisa e na extensão”. O destaque foi para a “Educação Ambiental e a Geração de Competências no Ensino Superior”. Sob a mediação de professores da Universidade, pesquisadores, alunos e egressos falaram de ações nesta área e que a cada dia ganham maior espaço nos debates acadêmicos. Na página da extensão, no site da UNIFENAS, é possível ter acesso aos vídeos das rodas que ocorreram nos dias 8, 9 e 10.

A primeira roda de conversa envolveu profissionais do Direito, da Pedagogia, da Agronomia e da Biomedicina. Eles compartilharam suas experiências na área de educação ambiental e apresentaram ações desenvolvidas pela extensão universitária, a exemplo da participação da Universidade na elaboração de planos municipais de educação ambiental, responsável por definir normas que colaboram para o desenvolvimento sustentável.

Desta primeira exposição participaram os professores Paulo Engel, coordenador do Núcleo de Direito Ambiental da UNIFENAS, câmpus de Campo Belo; Maria Cristina da Silva, autora do livro “Educação Ambiental – A Sustentabilidade em Construção” e coordenadora do curso de Pedagogia; Ligiane Aparecida Florentino, professora do curso de Agronomia, membro do Núcleo de Educação Ambiental da Universidade e secretária do Codema (Conselho Municipal de Conservação e Defesa do Meio Ambiente) de Alfenas; e Kamilla Monteiro dos Santos, professora envolvida com projetos de extensão no câmpus de Divinópolis.

Mediados pelo professor Rogério Ramos do Prado, diretor de extensão e assuntos comunitários, os expositores destacaram que o meio ambiente abriga a vida em todas as suas formas e que, portanto, não devemos ter um olhar antropocêntrico para a questão. Abordaram a complexidade de uma educação que de fato contribua para a formação dos indivíduos. Enfatizaram que esta fase de construção da educação ambiental caminhou muito nos últimos anos e que, no futuro próximo, colherá frutos. Para eles, os impactos dessa educação já são percebidos nos estudantes que hoje chegam à Universidade.

A temática “Pesquisa” esteve em destaque na segunda roda de conversa. Alunos e egressos dos programas de pós-graduação da UNIFENAS contaram suas experiências nesta área. Participaram desse momento: Davi Gonçalves Costa, aluno de agronomia da UNIFENAS e bolsista de iniciação cientifica do CNPq; Fábio Corsini, egresso do programa de mestrado em Sistemas de Produção; e Ana Beatriz Carvalho Terra, doutoranda em Agricultura Sustentável. A mediação foi da professora Ligiane Florentino.

A programação da semana dedicada ao Meio Ambiente foi encerrada com a apresentação de ações de extensão desenvolvidas por alunos e professores da UNIFENAS. Mediadas pelo professor Diogo Gontijo, Layla Carvalho, Beatriz Araújo, Thaís Franco e Brenda Borba apresentaram atividades de orientação e projetos desenvolvidos junto à população. Na oportunidade, o professor Diogo falou da interação da extensão com o ensino e a pesquisa. “As três juntas tem o poder transformador da Universidade e da sociedade. O nosso intuito é desenvolver métodos e projetos que qualifiquem e capacitem os membros inseridos nessa sociedade e assim mudem a sua realidade local.”