Notícias

11 de fevereiro de 2022

Semana de boas-vindas na UNIFENAS

Música ao vivo e cerimônia do jaleco marcam início do semestre letivo


Everton Marques
Ampliar foto

Foram três semestres consecutivos sem uma recepção especial. Um passado recente que muitos não esperam mais reviver. Fevereiro de 2022, mais precisamente dia 7, foi um divisor de águas para os universitários da UNIFENAS que receberam as boas-vindas presencialmente. Uma comemoração que se estendeu ao longo da semana, com momentos especiais para veteranos, calouros e professores. No curso de Medicina teve até a cerimônia do jaleco.

No câmpus de Alfenas, cada bloco da Universidade teve o seu dia especial com algodão doce, pipoca e música ao vivo, com artistas convidados, alunos e professores integrantes do NUCAU (Núcleo de Cultura e Artes da UNIFENAS). A tradicional recepção ganhou uma nova emoção com os sorrisos nos olhos, já que as máscaras escondiam parte da face; uma medida de segurança contra a Covid-19. "Esse aqui é um momento caloroso, um momento de festa, de recepção. É isso que a gente deseja que continue nesse semestre. Um momento de acolhida", disse o professor Erivelton Antonio dos Santos, coordenador do curso de Administração da UNIFENAS.

Para os calouros de Medicina o momento festivo também foi de pensar no futuro da profissão. O professor Francisco Lello Santos, doutor em nefrologia, compartilhou sua vivência de que ser um profissional diferenciado é o que leva ao sucesso. E para chegar lá é preciso passar pela graduação, pela pós-graduação e pela prática médica. Enxergar a inteligência artificial como parceira da Medicina também é necessário, assim como o cuidado de sua própria saúde física e mental. "Quando você escolhe ser médico, não é a escolha de uma profissão. É uma opção de vida! Ou seja, a partir daquele momento todos os seus atos, todo seu trabalho, vai girar em torno do bem maior, que é a saúde de um indivíduo".

A "Cerimônia do Jaleco", no primeiro dia de aula, foi apenas um dos degraus na jornada acadêmica que os universitários decidiram trilhar. "Foi uma felicidade imensa. Sempre foi meu sonho ser um médico, desde criancinha. Agora, receber o jaleco é incrível", destacou Lucas Gabriel Menezes, aluno do 1º período.

Devidamente apadrinhados por veteranos, os calouros já assimilaram que a Medicina é mesmo uma opção de vida. "É uma opção de vida com certeza. A gente está aqui para mudar não só a nossa vida, mas mudar a vida do próximo também. Isso é importante", destacou Guilherme Frazão, aluno do 1º período.

A semana de boas-vidas ocorreu em todos os câmpus da UNIFENAS.